quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Saudades - Eliene Dantas, poetisa potiguar de São José do Seridó





SAUDADES
Eliene Dantas

Saudades são duas
Da rua
Da lua
Da rua com lama, com risos, com fitas
Da lua crescente, enchente, tão lua
A lua
A rua
A lua bonita que enfeita a rua
A rua feliz porque tem a lua.


Um comentário:

Eliene Dantas disse...

Estou um pouco ausente da net, mas sempre que possível dou uma olhadela por aqui, obrigada pela carinho.