domingo, 4 de abril de 2010

Giselda é ajebiana e poeta cearence.

A POESIA
Giselda Medeiros
Penso no poema,
e ela me vem,
a Poesia,
das profundezas de sua carne
macia e verde
com seu ruflar de asas de mel
e de arminho.
Esgueira-se buliçosa
no sótão de minha vida
qual furacão
de sons e de palavras,
metáforas azuis, a entreter as chamas
da agonia.
E ei-la aprisionada nos domínios
do poema
açoitada pelos ventos
que trouxeram de ti
a essência da paisagem
de tua alma.

(do livro Tempo das Esperas)
Postado por Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil - AJEB/CE

quarta-feira, 10 de março de 2010

http://gispoesias.blogspot.com/

http://ajeb-ce.blogspot.com/

Um comentário:

GERALDA EFIGÊNIA disse...

Neidnha, vc é luz por isso abençoada,
vc é fé por isso é amada,
vc é encanto por isso e estimada,
vc é amiga, por isso por mim
és muito amada.
Vc é inteligente, por isso reconhecida no seu meio,
vc é parceira por isso és companheira dos companheiros,
Dou graças ao nosso Deus, pela sua amizade, vc é legal, Deus continue te abençoando companheira, parabéns por tão belo trabalho que vc vem realizando, caladinha somente trabalhando e Deus ali do teu ladinho te abençoando. Um abraço do tamanho do Brasil.