quarta-feira, 28 de abril de 2010

Poeta Franci Fernandes, potiguar do Encanto. Para ela nossos aplausos de hoje.


DENTRO DE MIM

Dentro de mim tudo acontece diferente,
Realidade e sonhos se misturam de repente:
Num instante, o mundo é um grande parque,
A vida é uma canção de ninar,
Ninguém é ruim, todos sabem cantar.
Diversões, brinquedos e canções;
No centro do universo, um picadeiro;
Um palhaço, movido por enormes emoções,
Plantando em cada canteiro
Flores para colorir os mundo inteiro.
Malabaristas sorridentes nas praças,
Mágicos de todas as religiões e raças
Jogam suas cartolas ao vento,
E, no impacto da magia,
Gaivotas irradiam pelo tempo.
Um nuvem mágica descarregando
Uma chuva de borboletas azuis...
Todos vivendo, todos amando numa atmosfera de luz!
No embalo do carrossel, crianças a gargalhar;
Eu, na roda gigante, querendo o céu alcançar.
Barquinhos de papel, espadas de pau,
Carrinhos de flandre, bonecas de pano,
O conto da Rapunzel, o reino do Lobo Mau,
A Cinderela no meio de muitos ciganos;
Branca de Neve procurando os anões
Que no circo faziam peripécias há anos.
No meio da floresta rios correm tranqüilos,
Nenhum animal em extinção.
A diferença disto ou daquilo
Se iguala no meu coração.
Duendes, fadas, muitas coisas encantadas
Povoam o meu imenso jardim.
Dentro de mim é assim,
A infância não tem fim.

Franci Fernandes
Logo estarei postando a biografia completa de Franci.

Um comentário:

Flor de bugari disse...

Sou admiradora desta poetisa,pois convivi com ela( na mesma cidade do interior) parte da infância e toda a adolescência. Até a faculdade estivemos próximas, só que em cursos diferentes, ela em Letras e eu em Pedagogia. Pra mim, Franci é uma pessoa de coração sensível, que vê tudo com os olhos da alma e escreve seja onde for, com letras divinais. É Franci,lhe vejo assim! E por isso sou sua fã!

Um abraço de alma!