terça-feira, 13 de setembro de 2011

Mais uma poetisa faz aniversário em setembro - Geralda Efigênia, parabéns para você neste dia 18/09.



Felicidades e muitas bênçãos Gera, a partir de hoje já te desejo:
Alegrias, realizações, paz, saúde e muitas bençãos...
FELIZ ANIVERSÁRIO!


Geralda Efigênia Macêdo, nasceu em 18 de setembro de 1958, em Cerro Corá, filha de Zé Milanêz e Nenzinha Macedo. Com um ano de nascida, foi morar na Mina Brejuí em Currais Novos, portanto o berço da sua infância e juventude foi aqui a base onde viveu todas as emoções juvenis, aqui viveu tudo. Ama a Mina Brejuí, ama Currais Novos, e aprendeu a ser natalense. Tem formação inicial em pedagogia, professora de literatura infantil, da rede municipal de ensino, orientadora pedagógica da rede estadual, ex gestora no Instituto Padre Miguelinho.

Pos graduação em Orientação Pedagógica para o Novo Ensino Médio, E Elementos da Antropologia. Participação como pesquisadora da CNPQ da base de pesquisa Formação e Profissionalização Docente da UFRN, sob a coordenação do Prof. Dr. Isauro Beltran Nunez - 2006. Objeto de estudo: Sindicatos Docentes. Trabalhos publicados: Artigo sobre a representação dos professores e as formações docentes, apresentadas no XIII ENDIPE – Encontro Nacional de Prática de Ensino em Recife /PE ano 2005. O mesmo artigo apresentado no seminário de pesquisa do CCSA –Anais/ Universidade, Direitos e Diversidade da UFRN, ano 2006.
Livro Publicado: Antologia Literária Infantil – trabalho sistematizado com seus alunos do 2º ciclo da Escola Ary Parreiras.
Publicação de Cordel: O Cotidiano da Escola Municipal Mareci Gomes- Passo da Pátria-Natal/RN.
Representante do DCE no Centro de Ensino Pesquisa e Extensão- CONSEPE DA POS GRADUAÇÃO no ano de 2005.
Participação como Delegada no XXIX Congresso Nacional dos Trabalhadores em Educação, em Brasília – janeiro 2005.
Participação como Representante do Diretório Central de Estudantes- DCE/UFRN, na Bienal da União Nacional de Estudantes -São Paulo/SP - 2005.Tema do Encontro: Soy loco por ti América.
Representante do Sindicato dos Trabalhadores em Educação/SINTE na 1º Conferência Estadual de Educação – 2007.
Votos de Congratulações da Câmara Municipal de Natal pelo lançamento do Projeto Poesia na Escola: a arte de ler e escrever poesias – ano 2003.
Participação no Seminário Estadual de Políticas Para a Educação Profissional – 2005.
Membro dos Poetas del Mundo.
Ex -Presidente da Sociedade dos Poetas Vivos e Afins-SPVA/RN
Desenvolve projetos com poesia nas escolas que leciona, coordenou o Projeto Poesia na Escola.
Trabalhos publicados:
Antologia Literária Infantil e Literatura de Cordel:
O cotidiano da Escola Municipal Mareci Gomes. Tem poesia publicada na V Antologia Literária da SPVA/RN, 2007


Quem eu sou.. eu sou eu... eu sou...


Eu sou Geralda Efigênia
Formada em pedagogia,
Professora há muitos anos
Lidando com a poesia.

.Nasci em Cerró Corá
De onde saí criança,
Com um ano de idade
Portanto não há lembranças
Foi Currais Novos leitores
O berço da minha infância..

Sou fruto de um poeta
Que sempre em versos escreveu
Rimando e metrificando
O pensar que Deus lhe deu
E encantando multidões
Em quanto em terra viveu..

Seu nome Zé Milanez
Poeta sindicalista
Eu não tenho o seu talento
Mas também sou progressista
E admiro o talento
Do poeta repentista.

Sou mãe de Arthur e Edinho
Duas pérolas de valor
Arthurzinho está no céu
Assim Deus determinou
E Edinho é minha força
Meu futuro, meu vigor..

Na rima, vivo buscando
Sempre me aperfeiçoar
Tudo que escrevo, tento
Rimar e metrificar
E colocar a paixão
Na hora de versejar.

Aqui convido os amigos
Para vir compartilhar
Comigo deste ambiente
Que faz-me emocionar,
O local onde os poetas
Aos sábados vêm se encontrar;

É uma sociedade
De estilos bem diferentes
Os poetas que a compõem
Tem o dom em suas mentes
De encantar os visitantes
Com poemas divergentes.

Neste espaço de cultura
Sinto-me realizar
Ouvindo o Zé Martins
Com seu verso popular
A sua casa de taipa
Com emoção declamar.

Mery Medeiros, um ícone
Tem histórias pra contar
Linda é sua trajetória
Faz a gente se alegrar
Com Emanoel, Arlete,
Jania, Grilo e Twovar.

E muitos outros poetas
Que merecem ser lembrados
Que encantam os visitantes
Com poemas recitados
A quem peço o perdão
Não terem sido citados.
É que a rima me falta
E o pensar me escondeu
O nome de alguns deles
A velha cuca esqueceu
O fôlego ja me faltando
A lembrança arrefeceu.

Com amor e lealdade
Eu peço a Cristo Jesus
Uma benção especial
Cheia de Paz e de Luz
Aos colegas meu obrigado
Por terem me escutado.

Mais sobre Geralda venha aqui:

Um comentário:

GERALDA EFIGÊNIA disse...

Querida Neidinha, obgda pela lembrança do meu niver, somos setembrinas, portanto iremos comemorar juntas. Olha por favor coloca que estive na base de pesquisa do prof. Isauro no ano 2006, não estou mais, foi quando fiz a especialização que era coordenada pelo mesmo e a professora Betania, professores inesqueciveis e por quem eu tenho muita estima e apreço e considero-os referencias em educação e na minha vida profissional. beijos amiga querida.